Recent Posts

4.9.07

Anos 50

A Liga dos Blogues Cinematográficos vai eleger os melhores filmes dos anos 50. Cada integrante vota em 20. Eis a minha lista, elaborada em duas fases: primeiro parti a cabeça a seleccionar apenas 20 filmes; depois andei uma semana inteira a trocar diariamente a sua ordem do terceiro para trás. No final ficou como se segue, certamente cheia de injustiças e omissões escandalosas.



1. Vertigo, Alfred Hitchcock, 1958
2. Rio Bravo, Howard Hawks, 1959
3. Sunset Boulevard (O Crepúsculo dos Deuses), Billy Wilder, 1950
4. Ugetsu Monogatari (Os contos da lua vaga), Kenji Mizogushi, 1953
5. The night of the Hunter (A sombra do caçador), Charles Laughton, 1955

6. Les quatre cents coups (Os 400 golpes), François Truffaut, 1959
7. On the Waterfront (Há lodo no cais), Elia Kazan, 1954
8. Ordet (A palavra), Carl Th. Dreyer, 1955
9. Rear Window (A janela indiscreta), Alfred Hitchcock, 1954
10. Tokyo Monogatari (Viagem a Tóquio), Yasujiro Ozu, 1953

11. North by Northwest (Intriga Internacional), Alfred Hitchcock, 1959
12. Singin' in the Rain (Serenata à chuva), Gene Kelly e Stanley Donen, 1952
13. Viaggio in Italia (Viagem a Itália), Roberto Rossellini, 1953
14. Smultrongstallet (Morangos silvestres), Ingmar Bergman, 1957
15. Stars in my Crown, Jacques Tourneur, 1950

16. Un condamné à mort s’est échappé (Fugiu um condenado à morte), Robert Bresson, 1956
17. Der Tiger von Eschnapur (O Tigre de Eschnapur), Fritz Lang, 1959
18. In a Lonely Place (Matar ou não matar), Nicholas Ray, 1950
19. The Bad and the Beautiful (Os cativos do mal), Vincente Minnelli, 1952
20. Kiss me Deadly (O beijo fatal), Robert Aldrich, 1955

14 comments:

Fábio Jesus said...

Admito que me faltam ver uns poucos dessa tua lista, mas dos que vi, belíssima escolha. Embora não partilhe a paixão assolapada pelo Vertigo. Sunset Blvd. é enorme!

Assim de repente, talvez lhe adicionasse um Paths of Glory, um High Noon, um 12 Angry Men...

Unknown said...

Não vi 'Un condamné à mort s’est échappé' portanto penso sempre em Pickpocket de 1959.
Você não considera tanto 'Acossado', 'Noites de Cabíria' e Cinzas e Diamantes?
Mas mesmo assim é uma lista muito boa...
Bárbara: www.uniblog.com.br/deva_neios

Unknown said...

fábio: 3 belos filmes, mas...quais tiraria em troca? é que só podem ser 20 :)

garotateatro: 'O acossado' foi considerado pela Liga como sendo de 1960. Quanto aos outros 2 é pura ignorância minha: nunca os vi :(

Fábio Jesus said...

Correndo o risco de ser acusado de heresia e banido do blogue, retiraria Vertigo :P

Cumprimentos

Unknown said...

Ai...!

Unknown said...

Bela lista, e me lembrou de um filme que eu tinha esquecido!

Unknown said...

Poxa, 60...
Veja os outros dois, considero-os dignos de figurarem na lista...
abraços, Bárbara.

Hugo said...

eu punha aí le amiche, do Antonioni, le notti bianche, de Visconti e os sete samurais, de Kurosawa...mas está uma bela lista (o meu número 1 é outro: é "o cinema", perdão Bitter Victory, do Nicholas Ray

Unknown said...

Tens que dizer os quatro que tiravas para entrarem esses ;)

Hugo said...

Ok! Cá vai:

Der tiger von Eschnapur (este Lang tardio não me convence muito...), In a lonely place (para não dar vantagens ao Nick Ray, aparecendo duas vezes), North by northwest do Hitch (idem. Fica o Rear Window porque, pronto, é o Rear Window) e Singin' in the Rain.

Com jeitinho saía aquele Rossellini e entrava o Europa 51 (gosto de experiências de catarse extrema) e ainda ficava a pensar no Mestre...

Unknown said...

Sim senhor. Assim vale a pena lançar desafios :)

Unknown said...

PS: Mas uma lista sem o Lang, nunca!

C. said...

Que bela lista (vi 17)!

Não sei se conseguiria fazer uma, mas tens aí alguns que estariam na minha lista de certeza (Vertigo, Rio Bravo, Sunset Boulevard, Ordet, ...)

Darci Fonseca said...

Caro Harry
Numa lista de 20 melhores filmes dos anos 50 não constar Rastros de Ódio (A Desaparecida), de John Ford é algo inacreditável. Mas listas são listas, não é mesmo?
Um abraço do Darci Fonseca
(Westerncinemania)