Recent Posts

11.4.12

Comprámos um zoo


'Comprámos um zoo' ameaça por diversas vezes tornar-se numa lamechice pegada (a propósito: onde é que os americanos fabricam estas crianças-prodígio?), mas Cameron Crowe consegue escapar miraculosamente por entre as pingas de chuva. Não é um Alexander Payne - desde logo é bastante mais exibicionista, não resistindo a meia dúzia de postais com banda sonora a condizer - mas ainda assim é realizador suficiente para nos proporcionar uma estupenda cena com uma brutal mas tocante discussão pai-filho, corolário do modo hábil com que o realizador trata toda a difícil relação entre os dois. É o ponto alto de uma fita simpática, que de resto está longe de atingir o nível de 'Os descendentes', com que tem afinidades temáticas.

We Bought a Zoo, E.U.A., 2012. Realização: Cameron Crowe. Com: Matt Damon, Scarlett Johansson, Thomas Haden Church, Colin Ford, Maggie Elizabeth Jones, Angus Macfadyen, Elle Fanning, Patrick Fugit.

8 comments:

Lia Ferreira said...

Ora viva Madox! :)
Também vi e também acho.
Acaba por ser um filme simpático (ao princípio estava a ficar desmotivada).
Também me lembrei dos Descendentes mas como não não fiquei fã do outro não achei este pior. :)
Beijinho

Harry_Madox said...

Ao pricípio também não me estava a convencer, até porque mesmo gostando eu do Matt Damon, não o consigo ver sem me lembrar do boneco dele do South Park que só dizia 'Matt Damon!'

Lia Ferreira said...

Ahahah! Eu não gosto particularmente do Matt Damon mas gostei dele neste filme.

Mas também me estou sempre é a lembrar do "I'm Fucking Matt Damon" :D... conheces?

http://www.youtube.com/watch?v=eSfoF6MhgLA

Lia Ferreira said...

E já agora da resposta:

http://www.youtube.com/watch?v=TwIyLHsk2h4&feature=fvwrel

Deliro com isto... :P

Harry_Madox said...

F*@#ing brilliant!!!

Ricardo Gross said...

Quando vais ver o Tabu? Estreou na tua cidade?

Harry_Madox said...

Claro que não estreou. Normalmente já o teria visto no Porto, mas por motivos pessoais tenho andado sem tempo para ir ao cinema...
No próximo mês a coisa já vai estar mais folgada,vamos ver se o filme aguenta na invicta até lá.

Rui Gonçalves said...

Engraçados os pormenores da música ser do rapaz dos Sigur Rós e o agente da imobiliária ser o tipo que vive com o Larry David no Curb Your Ent., de resto o argumento é o sonho de qualque homem. Como feel good movie cumpre muito bem.