Recent Posts

20.2.09

O leitor



John Ford dizia que não gostava de adaptar romances ou peças: preferia agarrar num conto e alargá-lo do que pegar num romance e condensá-lo. As últimas adaptações literárias que chegam de Hollywood parecem dar-lhe razão: se Fincher fez um belo filme a partir de um conto de Fitzgerald, as adaptações de ‘Revolutionary Road’, ‘A dúvida’, e este ‘O leitor’, são todas chochas. Parece que perante o texto (toda aquela 'conversa', diria Ford), os realizadores ou se deslumbram (como Sam Mendes) ou se encolhem (como John Patrick Shanley).

Stephen Daldry até tem algumas virtudes, como uma certa discrição melancólica, e conta com um elenco de peso (com Winslet em destaque), mas o resultado final assemelha-se perigosamente a um telefilme. Ou a uma mini-série: há o episódio ’erótico’, digno mas não entusiasmante; o episódio de tribunal, correcto mas não empolgante; e a conclusão, dramática mas não trágica. É tudo morno e temperado, o que tratando-se de uma história que envolve, entre outros temas, a culpa alemã perante o nazismo e um romance fortemente erótico entre um adolescente e uma mulher mais velha, não deixa de ser pouco elogioso para o realizador, convenhamos…

The Reader, E.U.A./Alemanha, 2008. Realização: Stephen Daldry. Com: Kate Winslet, Ralph Fiennes, David Kross, Bruno Ganz, Lena Olin .

7 comments:

wasted blues said...

Ao ver o filme só pensava no livro que, apesar de não ter ainda lido, tenho a certeza que deve ser muito superior ao filme. Já está ali na estante. É o próximo, assim que terminar o meu regresso aos contos de Rohmer.

Isobel said...

É um bocado triste saber isto, já que achei o Revolutionary Road um avião que não descola - para ser simpática.
É preciso ter-se tudo no sítio para fazer uma boa adaptação..

Harry_Madox said...

É verdade, são raras as boas adaptações. O Rohmer resolveu a questão adaptando-se a si mesmo:) Os seus contos no papel também são magníficos.

wasted blues said...

Estou a ler e a ver, ao mesmo tempo, os Contos Morais :)

Harry_Madox said...

Eu estranhamente li-os antes de ter visto qualquer dos filmes.

wasted blues said...

Eu li os contos há muitos anos, depois de ter visto "Conto de Outono" no cinema. Agora estou a reler ;)

Passenger said...

Não conhecia essa ideia do John Ford, é interessante :D

Tenho de ver este filme...

PS: Achas que podes adicionar o meu blog à tua lista? :X