Recent Posts

26.2.12

O que eu tenho a dizer sobre os Óscares


É coisa pouca: não vi 'A Invenção de Hugo', nem 'Cavalo de Guerra', nem 'As Serviçais', nem 'Extremamente Alto, Incrivelmente Perto', nem 'Moneyball - Jogada de Risco', mas dava a estatueta de melhor filme, de caras, a 'Os Descendentes'. E mesmo sem ter visto a performance de três das suas concorrentes, afirmo desde já que acho um escândalo se o respectivo Óscar não for para Meryl Streep, mas nomear Meryl Streep - a maior actriz de Hollywood - e depois dar o Óscar a outra nomeada qualquer é um dos desportos favoritos da Academia (já o fez 14 vezes).

De resto nunca vi uma cerimónia dos Óscares até hoje, e não é este ano que vou começar. Amanhã de manhã ouvirei os resultados da coisa na rádio.

4 comments:

O Narrador Subjectivo said...

Eu devo ver, já houveram anos piores, e por acaso ainda não vi Os Descendentes, por isso vou torcer pelo Árvore da Vida e pelo Malick :P

Harry_Madox said...

Acho que vamos ficar os dois a ver navios, segundo os experts 'O Artista' vai limpar a coisa.

O Projeccionista said...

Apenas me falta ver o «Extremamente Alto, Incrivelmente Perto» porque ainda não estreou. Mas parece-me que este ano a lista de nomeados a Melhor Filme é das mais fraquinhas dos últimos anos. Se pudesse votar ficaria indeciso entre «Os Descendentes» ou o «Meia Noite Em Paris». Mas o mais certo é ganhar «O Artista».

Cumprimentos

Harry_Madox said...

Estava na cara.